“Sou neurocirurgião, com foco de atuação em procedimentos operatórios em casos de epilepsia refratária, ou seja, aquelas resistentes aos medicamentos. Embora não prescreva rotineiramente medicações para os pacientes (prefiro deixar para neurologistas, que têm base de conhecimentos mais profundos para fazer esse controle), sou frequentemente questionado por pacientes para que dê a minha opinião sobre […] Read more…