Às vésperas do começo do ano letivo, os pais começam a se planejar para mais uma despesa: a compra dos materiais escolares. É importante ressaltar que não são somente lápis, borrachas e cadernos que facilitam a vida dos pequenos durante o aprendizado. Nessa época do ano, os cuidados com a visão devem ser intensificados, e os adultos devem estar atentos aos sintomas que podem identificar se as crianças precisam de óculos.

Estimativas recentes da Organização Mundial da Saúde (OMS) indicam que, no mundo todo, 1,4 milhão de crianças de zero a 14 anos são cegas e 17,5 milhões possuem baixa visão. De acordo com o Conselho Brasileiro de Oftalmologia, há dez anos o número de crianças que precisavam de óculos era de 10%. Atualmente, esse número corresponde a 20%.

Miopia, astigmatismo e hipermetropia são doenças oculares comuns na infância, por isso os pais devem estar atentos. “Muitas crianças não conseguem sinalizar se existe um problema que precisa ser corrigido, por isso a atenção dos pais é fundamental”, destaca Murillo Piotrovski, Diretor da Marketing da Grandvision by Fototica.  “Se ela está em fase escolar e não consegue acompanhar as lições e o desempenho da classe, senta-se muito perto do quadro de atividades, mantém tablets e celulares próximos ao rosto ou faz reclamações frequentes de dor de cabeça, pode ser que ela tenha alguma deficiência”, alerta o diretor da marca. Ao primeiro sinal de que algo não está bem, os pais devem procurar um especialista. Ele é a pessoa indicada para avaliar, investigar e diagnosticar qualquer possível problema. O uso de óculos sem a indicação de um oftalmologista pode piorar o problema.

Para aqueles que já têm a deficiência visual identificada, a GrandVision by Fototica, que faz parte do maior grupo de varejo ótico do mundo, possui ampla variedade de óculos receituário e lentes exclusivas, com alta tecnologia, como o tratamento Blue Filter, que podem ser aliados no aprendizado e no bem-estar dos pequenos.

Essa tecnologia ajuda a proteger os olhos da luz azul emitida em excesso pelas telas dos aparelhos eletrônicos, como celulares e tablets, neutralizando-a e prevenindo problemas relacionados ao uso contínuo. Ela oferece maior conforto visual, reduzindo a tensão dos olhos e a fadiga. O tratamento Blue Filter também melhora o contraste e a nitidez da imagem, sendo ideal para o dia a dia.

Mariana é paraibana, mas vive atualmente em Aveiro - Portugal. Mãe de Aécio e esposa de Renato, publicitária, especialista em Criação Visual e Multimídia, trabalha com marketing, comunicação e eventos. É fundadora do Mãe do Ano e, além dele, é responsável pelo Roteiro Baby Aveiro, que divulga a programação infantil na cidade de Aveiro.

1Pingbacks & Trackbacks on Número de crianças com problemas oculares cresce nos últimos anos

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *