Os pequenos estarão de férias até o final de Janeiro e é claro que o momento é de brincar e aprender. Vamos pedalar?

Imagem: Reprodução Ciclofemini

As aulas acabaram, as festas de fim de ano também. Mas você não vai trocar a roupa de trabalho pela de banho e está quebrando a cabeça pensando no que fazer com as crianças em casa? Pedalar é uma das brincadeiras mais divertidas, e tirar a “rodinha” de apoio é um desafio amplamente comemorado. Sabemos que com a correria do dia a dia e a falta de habilidade dos pais, essa tarefa não é tão fácil, pensando nisso, o professor Ricardo Gomes da empresa Sem Rodinhas.Com, decidiu ensinar as crianças a andarem de bicicleta sem as rodinhas.

“Ensinamos crianças a partir dos 6 anos de idade a andar de bicicleta sem ajuda das rodinhas. Tudo é possível através de um método prático que utilizamos voltado ao resultado, e a maioria dos alunos consegue se equilibrar na primeira aula”, garante o professor. “Nosso foco é na dificuldade de cada um dos alunos e os exercícios são aplicados para atingir os melhores resultados de acordo com cada perfil”, completa.

Normalmente as aulas acontecem no Itaim bibi, no parque do povo.  Esse parque costuma ser um dos mais utilizados por tratar-se de um parque mais vazio do que a maioria dos parques de SP, dando maior espaço e liberdade para as crianças se movimentarem. O curso inclui um pacote de 2 horas e meia, com no máximo 1h15m hora por dia,  assim a criança não fica cansada. Segurança é indispensável, e Ricardo garante que o capacete e a bicicleta ficam por conta da empresa.
Enquanto alguns aprendem a pedalar com duas ou três aulas, outros podem levar mais tempo. O importante é não desistir, pois no que depender do professor, paciência e dedicação ao aluno não faltarão. “O mais indicado é deixar as crianças a vontade, ou seja, primeiro passo é saber se ela quer aprender. A partir dessa afirmação, tentar motiva-la… além disso ouvir da criança quais são seus medos, para através de um método muito usado pela escritora americana Jane Nelsen “Disciplina Positiva”, fazer a criança participar das escolhas e etapas ao longo do curso. Com isso temos uma criança motivada e participativa”.
“Ensinamos o ano todo. Nas férias, além dos finais de semana, ensinamos também em dias de semana. Atualmente o atendimento é apenas em SP,  mas temos planos de expandir inicialmente para capitais das regiões sul e sudeste”, finaliza.

Formada em Nutrição, divide o tempo de trabalho entre a clínica, alimentação escolar e fotografia! É mãe de um super herói, blogueira desde a adolescência, meio nerd, adora música, moda, séries e filmes.

1Pingbacks & Trackbacks on Férias é tempo de aprender a pedalar

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *