DSC_7127

Bazar de moda infantil conquista mercado entre a classe média, gerando um bom dinheiro para pais que querem vender roupas que não cabem mais nos filhos e ótimos descontos para os que querem marcas famosas e de qualidade com preços acessíveis, podendo chegar até a 80% de desconto.

O mercado infantil em 2013 promete um grande boom não só na produção, mas também na economia, tanto para as marcas mais populares quanto para as marcas de luxo. De acordo com a associação Brasileira de Indústria Têxtil e de Confecção (ABIT), os dados são positivos e mostram que o segmento infantil compreende 15% de todo o setor da moda e tem crescimento gradual de 6% ao ano.

Na faixa que abrange desde os bebês recém-nascidos até 2 anos de idade, as vendas são particularmente dinâmicas, bem como dos 7 aos 14 anos, que também vem evoluindo, aproveitando a loucura dos pré-adolescentes e adolescentes pelas roupas de marca.

Luciana Schiller, dona da linda marca Petit Retro e herdeira da Tyrol, em entrevista ao site especializado em moda, o Fashion Forward (FFW), contou que houve um aquecimento no mercado da moda infantil, “principalmente no segmento de luxo”, afirma. “Houve um aumento significativo de grifes e ofertas. A criança, hoje em dia, é objeto de desejo. As mães estão tendo filhos mais tarde e, com a carreira definida e maior poder aquisitivo, acabam consumindo mais”, explica ela.

Juntamente com esse boom desse mercado voltado para crianças, está em alta também os bazares e brechós que visam o mesmo público, já que, com a velocidade do desenvolvimento das crianças, principalmente, de RN e 2 anos, a roupas são usadas poucas vezes e algumas nem chegam a ser usadas.

Assim, esses bazares são a oportunidade perfeita para que os pais consigam se desfazer das roupas novas ou seminovas e, com isso, ganhar algum dinheiro para complementar a renda da família.

Em João Pessoa, o destaque é do Bazar Mãe Do Ano, que funciona na internet e realizará a terceira edição do seu evento no dia 10 de março.

Segunda a organizadora do evento, Mariana Carneiro, é uma oportunidade excelente, tanto para os pais que querem vender, como pra quem procura produtos de qualidade com preços acessíveis.

“A cada edição temos um aumento significativo na quantidade de pais que querem vender e comprar, das peças de roupas disponibilizadas e no volume de negócios realizados. Muitas dessas roupas são de marcas famosas que foram usadas, mas estão em ótimo estado de conservação e podem sair com até 80% de desconto e as novas, ainda com etiquetas, chegam à 60%. Temos grande preocupação com as peças de recebemos, por isso, todas elas são inspecionadas para garantir a qualidade do que é comercializado, dando tranquilidade para quem compra.” destacou a empresária.

O evento ocorrerá no dia 10 de março, na Av. Edvaldo B. Pinho, por trás da Fundação José Américo, no Cabo Branco, das 09:00 ás 17:00 e contará com ainda várias atrações, como contação de história, shows e oficinas durante todo o dia.

Maiores informações: http://www.maedoano.com.br – Fone: 8844-5628

Mãe de Aécio e esposa de Renato, publicitária, especialista em Criação Visual e Multimídia, trabalha com marketing e comunicação e, além do Mãe do Ano, é responsável pelo Roteiro Baby JP, que divulga a programação infantil de João Pessoa, é presidente da Associação das Mulheres empreendedoras da Paraíba, tem uma banda de músicas infantis – a Catavento Colorido – e desenvolve atividades para crianças através da Colmeia Projetos Criativos.

Comments are closed.