image

Há uma mãe nunca se estressa e nem fica desgastada…

Será que é verdade?

Não, não é verdade.

Uma mãe tem o direito de não ter paciência em alguns momentos.

Sabe naquele momento da birra que você precisa do auxílio do pai? E ele simplesmente finge que não está vendo?

E você vai lá chama a atenção da criança, conversa, coloca no cantinho do pensamento e nada da criança obedecer. Eu Psicóloga também passo por isso com meu filho, só para vocês saberem.

E o que eu faço?

Além disso tudo que coloquei aí?

Eu converso muito com meu companheiro para que ele me auxilie na educação do meu filho, pois é necessário ter alguém para apoiar.

Educar não é nada fácil e hoje vivemos em uma sociedade em que os conceitos estão tão invertidos, mudam todo o tempo, que precisamos saber como educar nossos pequenos. Que serão os grandes e responsáveis pelo amanhã.

Algumas dicas para quando você perceber que está com a paciência esgotada:

Vá até o banheiro lave o rosto;

Beba uma água;

Respire fundo e conte, faz bem;

Procure conversar com seu filho antes de sair de casa para evitar aquelas famosas cenas. Ah! Evitar não quer dizer que não acontecerá, ok?

Converse com seu companheiro para saber qual é a melhor estratégia que vocês podem usar;

Converse com os avós da criança para que deem apoio;

E como sempre digo tire um tempo você com você, nem que seja deitada na cama e o filhote com o companheiro.

Quer falar mais sobre isso?

Abaixo, segue meu e-mail para dúvidas e contato: psigente@yahoo.com.br

E minha página no face: https://www.facebook.com/psicologiagente

Contribuição do leitor.
Saiba como participar do blog: http://www.maedoano.com.br/participe-do-blog/

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *