Eu nunca tive muito jeito com bebês e fiquei meio desesperada quando soube que estava grávida. Ai, acabei indo atrs de informações na internet, conversando com amigos, etc.
Na primeira fase, me indicaram um livro comprei um livro (quase uma bíblia) que acho que nos ajudou bastante, foi bom tanto para mim quanto para Renato (o pai).
O livro se chama”O que esperar quando você está esperando”, se não me engano, ele foi por volta de R$ 50,00 – na livraria Saraiva está em promoção – e é fácil de achar na internet. Fizemos os cálculos e se a gente fizesse cópias de um livro sairia o mesmo preço (ou até mais caro), por isso, resolvemos comprar.

A Wikipedia fala sobre ele:
O Que Esperar Quando Você Está Esperando é um livro guia para gestantes, de autoria de Arlene Eisenberg, Heidi Murkoff e Sandee Hathaway,[1] publicado originalmente em 1984, estando em sua quarta edição. No Brasil é publicado pela editora Record e conta mais de 13 milhões de cópias vendidas até 2005, vendeu aproximadamente 7 milhões de livros no exterior e 7 milhões nos Estados Unidos. [2]
No formato de perguntas e respostas, desde os primeiros sintomas de uma possível gravidez, com capítulos dedicados a cada mês de gestação, até suas possíveis dúvidas existentes até o dia do parto, e mesmo depois, no puerpério. [3] [4]
O livro trata dos sintomas físicos e emocionais deste maravilhoso período que deveria ser de puro prazer e curtição para a mãe, contudo é, para as marinheiras de primeira viagem, e até mesmo para muitas mães e pais experientes, um período de grandes aflições e medo ao que pode acontecer ao bebê tão esperado.
Afinal, assim surgiu o nascimento do livro, com o nascimento de um dos filhos de uma das autoras, num período recheado de muitas dúvidas e medos, nasceu com a criança a idéia de publicar o livro, que se tornou uma bíblia sobre o assunto ao leitor leigo.
O livro orienta mesmo sobre o que esperar dos médicos, nas visitas periódicas ou de emergência.
Os autores tiveram o zelo de dedicarem um capítulo sobre nutrição e dietas durante a gravidez.
As novas edições do livro foram se modernizando e as perguntas das leitoras que não havia nas primeiras edições foram sendo acrescentas com suas respectivas respostas, bem como os recursos da medicina moderna para cada tipo de dúvida a ser respondido à gestante.
Na primeira edição surtiu muitos ciúmes de alguns médicos que defendiam que o livro poderia gerar a paranóia em função das patologias existentes, e o livro procura ser o mais abrangente nesse aspecto; também houve críticas pela defesa na exclusividade da orientação médica, bem como as primeiras edições trouxeram dietas muito rígidas para as gestantes. Tais impressões foram corrigidas nas edições subseqüentes, havendo reformulação nas edições posteriores e revisão por parte do Dr Richard Aubry, diretor e professor do Upstate Medical University, Syracuse, Nova York.
A obra traz um apêndice com os exames comum feitos durante a gravidez e um índice remissivo para busca dos assuntos nessa obra com aproximadamente 800 páginas.”

O livro é bastante interessante e bem útil também. Ele explica através de um passo-a-passo mensal, o que acontecesse com o seu corpo e com o bebê. Eu recomendo!

Mãe de Aécio e esposa de Renato, publicitária, especialista em Criação Visual e Multimídia, trabalha com marketing e comunicação e, além do Mãe do Ano, é responsável pelo Roteiro Baby JP, que divulga a programação infantil de João Pessoa, é presidente da Associação das Mulheres empreendedoras da Paraíba, tem uma banda de músicas infantis - a Catavento Colorido - e desenvolve atividades para crianças através da Colmeia Projetos Criativos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *