No dia 30 de Janeiro é o Dia da Saudade. Nesta data, é comum lembrarmos de quem amamos e que já não vive mais. A morte é parte da vida, mas como a gente consegue explicar às crianças que não veremos mais o vovô ou a vovó, por exemplo?

Virando Estrela fala sobre isso.

LC_strip_43160_0_web

Com uma narrativa linear, o livro é voltado para o público infantil e mostra o que é a saudade e auxilia a criança a elaborar o luto e deixar ela mais preparada para enfrentar as perdas.

O leitor vai conhecer a história da ida de Rafael à casa dos avós. Ao chegar, sua avó explica que o avô “virou estrela” e, junto com os pais do garoto, tenta esclarecer todas as dúvidas do neto, até que ele encontra um jeito de se sentir sempre perto do avô querido. Em casa cena, o garoto interage com a família e com os elementos que faziam parte do dia a dia do avô, como o cãozinho de estimação e as brincadeiras no quintal.

“…toda vez que Rafa via uma estrela cadente, jurava para si mesmo: “Tenho certeza! É vô Ramiro que vem beijar vó Luíza”.

Publicação da editora Mundo Mirim, o livro mostra uma história de amor, perda e superação. Tratando de temas como solidariedade e transcendência, esta história fala com delicadeza sobre um tema difícil. Mostrando de uma maneira sensível, a morte como parte natural do ciclo da vida.

Editora Mundo Mirim
Ilustração:
Alessandra Tozi
Autor:
Jonas Ribeiro
I.S.B.N.:
978-85-617-3051-2
Formato: 20×22
Indicação:
Leitor iniciante (7 a 8 anos)
Número de Paginas:
32 pag
Preço:
R$ 27,90

Mãe de Aécio e esposa de Renato, publicitária, especialista em Criação Visual e Multimídia, trabalha com marketing e comunicação e, além do Mãe do Ano, é responsável pelo Roteiro Baby JP, que divulga a programação infantil de João Pessoa, é presidente da Associação das Mulheres empreendedoras da Paraíba, tem uma banda de músicas infantis – a Catavento Colorido – e desenvolve atividades para crianças através da Colmeia Projetos Criativos.

Comments are closed.