shutterstock_138727481

Desde a infância, toda mulher alimenta o sonho de ser mãe. Naquele momento quando pequenas, ao brincar de “bonecas”, já imaginavam o dia em que carregariam seus bebês no colo. Entretanto para muitas esse sonho torna-se uma constante luta.

Cerca de 15% dos casais ao redor do mundo são inférteis, ou seja, possuem dificuldade para engravidar. Para detectar a infertilidade e buscar um tratamento adequado, o casal deve recorrer a um médico especializado que poderá fazer o diagnóstico correto.

O problema que causa a infertilidade pode ser masculino, feminino ou presente em ambas as partes, sendo que os casos são equilibrados em cada problema. O casal deve buscar ajuda especializada e considerar a infertilidade quando tentam engravidar tendo relações sexuais frequentes por um ano, sem utilizar nenhum método anticoncepcional.

Quais as principais causas da infertilidade?

shutterstock_181677152

Diversos problemas podem acometer o organismo feminino ou masculino e impedir que a pessoa tenha filhos naturalmente. Os principais tipos de problemas relacionados à infertilidade são:

  • Disfunções hormonais;
  • Deformações congênitas;
  • Doenças;
  • Cirurgias;
  • Alterações genéticas;
  • Hábitos de vida;
  • Ambiente hostil.

Com exames, análise clínica e do histórico do casal um médico especialista pode detectar os motivos da infertilidade em 90% dos casos, indicando assim o melhor tratamento a ser realizado em cada caso.

Os tratamentos para infertilidade podem ser apenas hormonais, envolver reprodução em laboratório ou técnicas cirúrgicas, dependendo da complexidade de cada caso e da necessidade do casal. Por isso é imprescindível buscar ajuda especializada e analisar qual é o melhor tratamento caso a caso.

Dicas para potencializar o tratamento

Independente da causa da infertilidade, se ela tem solução o tratamento deve ser realizado da forma correta, com o casal se dedicando ao mesmo e buscando as melhores alternativas. Para realizar os procedimentos, é importante que o casal busque uma clínica de reprodução humana ética e com credibilidade. O casal também deve ter empatia pelo médico responsável e confiar no tratamento.

Hábitos de vida saudáveis potencializam qualquer tratamento médico, seja ele para a infertilidade ou qualquer outro problema. Ter uma alimentação saudável e balanceada, inibir o uso do álcool e do tabaco, além de outras drogas e praticar exercícios físicos é benéfico para todos, especialmente para os casais que desejam engravidar, de forma natural ou por reprodução assistida. 

Post Colaborativo por Mater Prime

Mãe de Aécio e esposa de Renato, publicitária, especialista em Criação Visual e Multimídia, trabalha com marketing e comunicação e, além do Mãe do Ano, é responsável pelo Roteiro Baby JP, que divulga a programação infantil de João Pessoa, é presidente da Associação das Mulheres empreendedoras da Paraíba, tem uma banda de músicas infantis – a Catavento Colorido – e desenvolve atividades para crianças através da Colmeia Projetos Criativos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *