IGREJAS E ORGANIZAÇÕES MOBILIZADAS CONTRA OS MAUS TRATOS DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES

Com o objetivo de promover os direitos da infância e adolescência, a participação e o protagonismo de adolescentes e jovens na defesa de seus direitos e a sensibilização e a busca de compromisso da própria comunidade a fim de promover relações igualitárias entre gêneros e gerações, as igrejas evangélicas da cidade de João Pessoa se uniram para realizar essa campanha que pretende contar com a participação de instituições e organizações comprometidas com a infância e adolescência do país: ONG’s, centros educativos, colégios, creches, centros juvenis, paróquias, igrejas e etc.

COMO É A CAMPANHA?

Trata-se de uma campanha de sensibilização pública sobre as situações de violência cotidiana que crianças e adolescentes sofrem, em que elas(es) mesmas(os) promoverão atitudes e condutas que promovam o respeito à sua dignidade e integridade.

Eles entregarão – em forma simbólica – a quem quiser participar: um Cartão de Vacinação contra maus-tratos e uma bala, como vacina, simbolizando bons tratos. É uma campanha na qual os crianças, adolescentes e jovens “vacinam” as pessoas de sua idade e os adultos, convidando-os a se unirem à promoção de uma cultura de bons tratos.

Cada criança ou adolescente que irá vacinar (com seu equipamento de vacinação: cartão e bala) aborda um adulto perguntando se já recebeu a vacina “antipegánica” (vacina contra os maus-tratos). O adulto geralmente responde que “não” e pergunta de que se trata, então o jovem explica que nesses dias está sendo feita a campanha de vacinação contra os maus-tratos contra crianças e adolescentes; pergunta se ele está disposto a ser vacinado contra os maus-tratos. Explica que é de graça, e que os relacionamentos podem sempre ser melhorados (não é necessário ser uma pessoa que maltrate para ser vacinada). Se o adulto concorda em ser vacinado, então a criança, adolescente ou jovem começa a ler partes do conteúdo do Cartão de Vacinação, convidando o adulto a se comprometer com a cultura de bons tratos através de ações concretas como: aprender a pratica o bom trato para com crianças e adolescents todos os dias, porque o comportamento violento ou o respeito pelos direitos das crianças começa no lugar onde se está; entre outras.

Quando o adulto expressa seu compromisso com essas ações, o jovem registra o seu nome no Cartão, entregando-lhe o mesmo como lembrança do compromisso firmado. Por último, o convida a tomar a dose oral da vacina, que é uma bala de mel, símbolo da doçura necessária nos gestos cotidianos. Depois de entregar os materiais, agradece a boa vontade e o convida para que divulgue a experiência com as pessoas com quem ele convive.

HOJE (19) das 16:00h às 18:00h estará acontecendo a vacinação em dois pontos: no Busto de Tamandaré e na Praia do Jacaré.

Mãe de Aécio e esposa de Renato, publicitária, especialista em Criação Visual e Multimídia, trabalha com marketing e comunicação e, além do Mãe do Ano, é responsável pelo Roteiro Baby JP, que divulga a programação infantil de João Pessoa, é presidente da Associação das Mulheres empreendedoras da Paraíba, tem uma banda de músicas infantis - a Catavento Colorido - e desenvolve atividades para crianças através da Colmeia Projetos Criativos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *