cadeirinhas
Foto Reprodução: G1.globo.com

Seu bebê é o ser mais importante da sua vida. Cada risada alegra o seu dia, cada lágrima aperta o seu coração. Agora que ele já está grandinho, a vontade de levá-lo a todos os lugares é grande, mas ele é pequeno e o cinto de segurança do carro não irá protegê-lo da forma correta sem a famosa cadeirinha. Ela protege seu bebê dos acidentes que possam ocorrer na estrada e, para os recém-nascidos, mantém a sua preciosidade dormindo tranquilamente.

Agora que você, mamãe esperta, já sabe a importância da cadeirinha, sabe qual vai escolher? Se pintou aquela dúvida, fique tranquila que nós com a ajuda de Danilo Vasconcelos, especialista em automobilismo e sócio da Dinamicar Pneus, estamos aqui para te ajudar.

Bebê-conforto: Elas são indicadas para bebês recém-nascidos até os 9 kg (algumas suportam até os 13 kg). São mais reclinadas e devem ser instaladas de costas para o banco da frente do carro. Na maioria das vezes, esses modelos possuem uma base que fica ajustada ao cinto de segurança, facilitando a sua vida. Esse tipo de bebê conforto, com cinto de segurança de cinco pontos, é chamado “Travel System”. Ele se adapta ao carrinho e desta forma, você pode tirar o bebê do carrinho dormindo com cadeirinha e tudo, sem precisar incomodá-lo. A desvantagem é que depois que seu filho ultrapassa o limite de peso, é necessário comprar outra poltrona e ela é o nosso próximo item.

Poltronas reversíveis: Estas foram idealizadas pensando em se ajustar ao corpo de recém-nascidos até crianças de cerca de 16 kg ou mais, depende do modelo. Enquanto o seu bebê é pequeno, a instalação é feita de costas para o banco da frente do carro, esta é a melhor posição pois protege o pescoço do bebê em caso de freadas bruscas. Os fabricantes orientam que seja seguida essa recomendação de até o máximo de tempo possível, ou seja, até o limite de peso do modelo. Algumas poltronas reversíveis só podem ser usadas viradas para a frente, por isso, antes de comprar leia o manual do fabricante. As poltronas reversíveis têm cintos de cinco pontos, mas também existem modelos que se tornam “boosters”, para que a criança use o próprio cinto do carro.

Poltronas para o posicionamento do cinto do carro (boosters): Essa poltrona ou “banquinho” é indicada para crianças com mais de 4 anos e a legislação brasileira afirma que essa cadeira é obrigatória para crianças de até 7 anos e meio, porém o ideal é que seu filho a use somente até alcançar 1,45 m de altura. Essa poltrona faz com que a criança fique mais alta e assim, poder usar o cinto normal do carro na posição correta. Este booster pode não ter encosto e nesse caso é necessário que o carro possua proteção para a cabeça, a fim de evitar o efeito “chicote” em caso de acidente.

São três tipos de cadeirinha para você escolher e indicamos os detalhes mais importantes para diferenciar cada uma delas. Agora é com você. Escolha a que mais se ajusta ao seu filho e viaje muito!

Filho da Tania, estudante de Publicidade e Propaganda, ator e apaixonado por assuntos ligados à saúde e bem-estar. Divide seu tempo entre a faculdade, estágio e às publicações do blog.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *