Reading book

Leiturinha ensina como tornar o momento da leitura ainda mais mágico

Nem todo mundo nasce com a habilidade de prender a atenção dos pequenos e ser um bom contador de histórias, mas não há nada que não possamos aprender, certo? Pensando nisso, a Leiturinha, maior clube de assinatura de livros infantis do Brasil, pensou em dicas especiais para tornar esse momento ainda mais mágico para as crianças.

Mergulhar nas aventuras e fantasias que a história proporciona é o grande segredo para que a leitura seja inesquecível. As palavras saltam e tornam-se um espetáculo, envolvendo as crianças e a família em um faz-de-conta que sai do papel e vira realidade. Assim é muito mais fácil prender a atenção dos pequenos, que poderão gostar cada vez mais da hora das histórias.

É importante também criar um ambiente aconchegante, que leve a criança até o universo literário, onde vai se sentir confortável para uma boa leitura, isso faz toda a diferença na hora de soltar a imaginação e deixar a experiência ainda mais emocionante. Para ajudar os adultos a entrarem de cabeça nesse universo, a pedagoga da Leiturinha, Fernanda Veiga, separou 7 dicas para ser um bom contador de histórias! São elas:

1. O primeiro passo é escolher uma boa história.

Verifique se o livro é adequado para a faixa etária do seu filho(a), se contém imagens ricas e um bom conteúdo.

2. Antes de ler a história escolhida para ele(a), faça você uma leitura.

Isso ajudará no momento da contação, pois você já estará familiarizado com a trama dando abertura para improvisar, tornando o momento mais divertido e emocionante.

3. Ao começar a história, fale sempre o título do livro e quem escreveu.

É muito importante que ele(a) saiba diferenciar estes dois aspectos e também reconhecer um autor.

4. Agora vem a melhor parte: Quando estiver contando, use e abuse de sua imaginação também.

Imagine os personagens e dê vida a eles com gestos, entonações e até se possível, utilize algumas vestimentas. Sua ação criará grandes expectativas em seu(a) pequeno(a), além de tornar o momento muito prazeroso.

5. Peça para ele(a) recontar a história do seu jeito.

Isso estimulará sua imaginação e também sua concentração. Questione a sua história e dê bastante atenção para sua criação.

6. É comum que a criança tenha uma história preferida e que peça para ouvi-la várias vezes.

Isto é muito legal! Mostra que ela teve interesse pelo conteúdo. Tenha paciência e releia a história quantas vezes for necessário. Isso também ajudará no desenvolvimento do(a) seu(a) pequeno(a).

7. Leia sempre!

Esta é a melhor dica para criar-se o hábito da leitura na criança. O seu exemplo ajudará a desenvolver o gosto pelos livros desde cedo.

Fonte: Blog Leiturinha

Mãe de Aécio e esposa de Renato, publicitária, especialista em Criação Visual e Multimídia, trabalha com marketing e comunicação e, além do Mãe do Ano, é responsável pelo Roteiro Baby JP, que divulga a programação infantil de João Pessoa, é presidente da Associação das Mulheres empreendedoras da Paraíba, tem uma banda de músicas infantis – a Catavento Colorido – e desenvolve atividades para crianças através da Colmeia Projetos Criativos.

1Pingbacks & Trackbacks on 7 dicas para ser um bom contador de histórias