Não canso de repetir que o tempo tem passado muito rápido. Um dia desses, eu sentia os chutes de Ian na minha pequena saliência na barriga e esse ano ele já completa 10 anos! De repente, não é mais um bebê, nem uma criança na nossa companhia… é um adolescente! E, como toda faixa etária, temos que pensar bem em como agir em situações mais “confinadas”, como é o caso de uma viagem em família. Tendo tido a minha cota de viagens em família com meus pais e irmãos, eu deixo aqui para vocês dicas de como ter uma viagem com adolescentes mais tranquila.

1.Leve em consideração a opinião dos adolescentes

Tanto em relação ao destino da viagem, como qual restaurante ir, se pretendem viajar de carro, ônibus, avião e quais atividades fazer. Quando somos adultos, temos ideias muito diferentes do que queremos ver numa viagem. Enquanto gostamos muito de ver museus, pontos turísticos famosos, experimentar queijos e vinhos ou fotografar lindas paisagens, os adolescentes querem mais, eles querem aventura e diversão, eles querem momentos memoráveis! Então façam planos num destino que existam atividades tanto no gosto dos adultos, quanto dos adolescentes. Dessa forma, estaremos não só conhecendo um novo lugar, mas ensinando-os que devemos agir com respeito, acordo e paciência – cada um terá seu momento de glória na viagem e que valerá muito a pena a espera!

2.Faça mais paradas

Adolescentes são muitas vezes mais inquietos do que crianças. Quando traçar o roteiro de viagem, pense em paradas estratégicas, para esticar as pernas, fazer um lanche num lugar bacana, ter uma ida ao banheiro, conhecer uma montanha, e trocar de lugar no carro ou ônibus. Isso já deixa o ambiente mais leve e o humor mais controlado, evitando assim brigas e desentendimentos desnecessários.

3.Escolha um hotel com atividades internas

Imagem: Revista Hoteis

Nós adultos cansamos mais rápido do que nossos filhos. Então nossa parada pra descanso no hotel se torna um momento de tédio para eles. Pensando nisso, procure hotéis que tenham oficinas. De música, de teatro, de brincadeiras, ou de qualquer outra coisa que seu filho goste. Somente o fato do hotel ter piscina e um salão de jogos já quebra um galho grande!

4.Conceda-lhes tempo e liberdade

O adolescente está numa fase muito forte de descobrimento e de um desejo quase incontrolável de liberdade. Quanto mais controlados eles se sentem, mais revoltam-se contra as regras. Então, deixe-lhes usar o tablet ou o smartphone com horários menos rígidos. Conheça o local que estão visitando e permita que eles dêem uma volta sozinhos, monitorando pelo celular e marcando horário e local de encontro. Um shopping ou um parque que tenha uma segurança maior é uma boa opção nesses casos.

5.Tenha paciência

Ainda que nos esforcemos ao máximo para manter a viagem o mais confortável possível para todos os envolvidos, vão existir momentos de discordância e tensões – e isso é perfeitamente normal, acontece com todas as famílias. O importante é não se deixar levar pelos ânimos alterados e acabar causando uma briga mais séria. Compreenda que você já esteve no papel do seu filho, você já foi adolescente, já teve os hormônios e humor à flor da pele. E que, como tudo na vida, isso é uma fase que vai passar. No futuro, seu filho verá as fotos e conversará sobre as lembranças desses momentos em família como os mais especiais da vida dele.

 

Formada em Nutrição, divide o tempo de trabalho entre a clínica, alimentação escolar e fotografia! É mãe de um super herói, blogueira desde a adolescência, meio nerd, adora música, moda, séries e filmes.

1Pingbacks & Trackbacks on 5 dicas para viajar com adolescentes

  1. […] Não canso de repetir que o tempo tem passado muito rápido. Um dia desses, eu sentia os chutes de Ian na minha pequena saliência na barriga e esse ano ele já completa 10 anos! De repente, não é mais um bebê, nem uma criança na nossa companhia… é um adolescente! E, como toda faixa etária, […] … … Ver artigo completo no Blog […]

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *