SONY DSC

Ontem Aécio completou 2 anos e, segundo, o site do Baby Center, é assim que ele é agora:

Criança em crescimento

Feliz aniversário! Não dá nem para acreditar que ontem ele era só um bebezinho e agora já tem 2 anos e até vontade própria!

No último ano, seu filho passou a maior parte do tempo desenvolvendo suas habilidades motoras, ao passar a andar sem ajuda, correr e segurar objetos com muito mais firmeza. Daqui para a frente, você perceberá mais mudanças na maneira como ele age e pensa.

Ele vai começar a formar imagens na mente, organizar categorias e colocar coisas em ordem. A memória também se aprimora e algumas crianças já conseguem até identificar cores e contar até cinco. Leia outros detalhes sobre o que está se passando na cabeça do seu filho.

• Saiba mais dados fascinantes sobre o desenvolvimento nesta idade.

Sua vida: estimule a comunicação

Com um filho maiorzinho, você vai se espantar com as conversas que poderá ter. A cada dia ele aprende mais palavras, sinaliza noções de grámatica (como falar no plural) e fica mais afiado na técnica de descrever suas necessidades, vontades e idéias.

À medida que o conceito de que ele é uma pessoa diferente de você se desenvolve, seu filho vai falar bastante sobre si mesmo, dirá o que está fazendo ou o que não gosta de comer. E esse é justamente um daqueles assuntos que pode levar a conflitos se você nunca der ouvidos ao seu filho.

Saúde

Este é provavelmente um bom momento para visitar o pediatra, independentemente de a criança estar ou não doente. Pense em todas aquelas dúvidas que aparecem no dia-a-dia em casa, escreva e vá ao médico com sua listinha. Nunca ache que uma pergunta é bobagem, mesmo que seja comentar que o filho da vizinha que tem a mesma idade do seu parece bem mais desenvolto no andar e no falar.

Outra visita importante nesta fase é ao dentista. Não só porque assim a criança já vai se acostumando a uma avaliação às vezes meio incômoda da boca, mas também porque é uma ótima oportunidade de ter bons conselhos sobre como escovar os dentes e protegê-los melhor através da alimentação.

Dica de mãe para mãe

“Quando tenho que ir com minha filha ao supermercado, procuro mantê-la ocupada com brincadeiras como encontrar objetos vermelhos nas prateleiras ou achar as embalagens que tenham alguma fotografia ou ilustração com pessoas. Desse jeito, ela se diverte e eu consigo comprar o que preciso!”

do Baby Center Brasil

Mãe de Aécio e esposa de Renato, publicitária, especialista em Criação Visual e Multimídia, trabalha com marketing e comunicação e, além do Mãe do Ano, é responsável pelo Roteiro Baby JP, que divulga a programação infantil de João Pessoa, é presidente da Associação das Mulheres empreendedoras da Paraíba, tem uma banda de músicas infantis – a Catavento Colorido – e desenvolve atividades para crianças através da Colmeia Projetos Criativos.

Comments are closed.